MATÉRIAS ENEM 2021

Matérias do Enem 2021. O Exame Nacional do Ensino Médio popularizado por ser uma das principais formas de ingresso no ensino superior. É um teste de conhecimentos, com questões baseadas nas matérias escolares que os estudantes aprenderam durante todo o ensino médio.

Apesar de todas as especulações as notas do Enem 2021 continuarão a ser a principal maneira de seleção nos programas que podem levar o estudante do ensino médio direto ao ensino superior. O SISU – Sistema de Seleção Unificada, Prouni – Programa Universidade para Todos e Fies – Fundo de Financiamento Estudantil, são exemplos de programas que utilizam as notas do Enem em seus processos seletivos.

A grande duvida a respeito das Matérias do Enem 2021 é o fato de que está sendo discutida a reforma do ensino médio. A proposta prevê que a carga horária de aulas sejam aumentadas e também que os estudantes tenham uma grade curricular fixa apenas na primeira metade do curso e na outra metade o estudante poderá escolher cursar matérias que influenciem diretamente na sua opção de curso superior.

O que estudar para o Enem 2021

Imagem Matérias do Enem 2021De acordo com o Ministério da Educação, o Enem 2021 permanecerá sendo utilizado como critério de avaliação do ensino médio. Assim sendo, aconselhamos que os estudantes estudem conforme as matérias da última etapa da educação brasileira. Desse modo, vamos apresentar alguns assuntos que eventualmente sempre estão sendo cobrados, esta analise foi feita com base nas outras edições.

Eventualmente não haja alteração na estrutura do exame, os temfas e matérias das provas do Enem serão:

  • Ciências Humanas e suas tecnologias. História, Geografia, Filosofia e Sociologia.
  • Ciências da Natureza e suas tecnologias. Química, Física e Biologia.
  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias. Língua Portuguesa, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Artes, Educação Física e Tecnologias da Informação e Comunicação.
  • Matemática e suas tecnologias. Matemática.

Antes de mais anda, vale lembrar que no Enem 2021 terá também a prova de Redação. Desse modo, o estudante deve através do tema optado pelo Inep, elaborar um texto dissertativo-argumentativo. Serão disponibilizados dois textos de apoio fornecidos pela organização do Exame. A prova de Redação terá peso fundamental na composição final da nota obtida.

Assuntos mais cobrados no Enem 2021

Imagem Provas do Enem 2021

  • Linguagens: Leitura e artes, leitura e interpretação de textos, variação linguística e gênero textual, estrutura textual e análise de discurso;
  • Inglês: Domínio lexical, leitura e interpretação de textos, cartuns, análise e interpretação de poemas e canções, tirinhas e charges, identificação da função do texto;
  • Espanhol: Semelhante aos assuntos cobrados em inglês;
  • História: , Brasil colônia, Idade contemporânea, movimentos sociais, Brasil império e História política;
  • Geografia: Meio ambiente, Geografia agrária, questões econômicas e globalização, geografia urbana, geopolítica;
  • Filosofia: Ética e política, natureza do conhecimento, democracia e cidadania, filosofia contemporânea, filosofia moderna;
  • Sociologia: Mundos do trabalho, ideologia, cultura e indústria cultural, meios de comunicação, tecnologia e cultura de massa, cidadania;
  • Física: Mecânica, eletricidade e energia, ondulatória, termologia, óptica;
  • Química: Química geral, físico-química, química orgânica, meio ambiente, energia;
  • Humanidade e ambiente, citologia, histologia e fisiologia (animal e humana), fundamentos da ecologia, biotecnologia;
  • Matemática: Razão e proporção, Geometria, aritmética, escala, funções, porcentagem, gráficos e tabelas.

Antes de mais nada, curta e compartilhe a página do Facebook Enem 2021. Eventualmente tenha preferencia em acompanhar via Instagram, basta curtir a página Guia do Enem. Disponibilizamos um dos melhores matérias de estudos do Brasil, ótima em conteúdo e o melhor de tudo, você estuda em casa. Clique aqui e conheça a apostila digital do Enem.

Como estudar para o ENEM 2021

Como estudar para o ENEM 2021? Não conhece os conteúdos mais cobrados no exame? Neste artigo vamos apresentar algumas dicas de como estudar para o Exame Nacional do Ensino Médio.

O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), juntamente com a autarquia do Ministério da Educação (MEC) são responsáveis por organizar o exame brasileiro. Desse modo, a divulgação do edital do Enem 2021 provavelmente ocorrerá no fim do mês de abril ou início de maio. Além de contar com todas as regras, o documento também apresentará o cronograma com as datas oficiais desta edição. Todavia, mesmo sem a confirmação dos dias das provas, é importante iniciar os estudos com antecedência para sair na frente da maioria dos concorrentes.

10 dicas para mandar bem nas provas do Enem 2021

TREINEIRO ENEM 2021Sabendo da importância que a nota do Enem 2021 tem na realização do sonho de milhões de estudantes brasileiros, que lutam pela aprovação nos processos seletivos do MEC que garantem a permanência e o acesso ao ensino superior no Brasil, separamos as 10 principais dicas para estudar para as provas. Veja abaixo:

Primeiramente o estudante precisa conhecer o Enem. O Exame Nacional do Ensino Médio vem tomando conta dos pioneiros e tradicionais vestibulares do país. Contudo, ele é diferente das provas normais e torna-se um pouco mais complexo, seja pela maneira com que aborda o conteúdo (competências, habilidades, níveis fácil, médio e difícil), ou pela forma com que é corrigido, pela TRI (Teoria de Resposta ao Item), que não avalia apenas a quantidade de acertos do estudante.

Pela proporção do Exame, é essencial ler e ficar por dentro de como ele é organizado e constituído. Para isso, além de todos os artigos já publicados em nosso site, o portal do Inep possui um espaço especial para o Enem, acessível no endereço https://enem.inep.gov.br. Nele, o candidato encontra as regras das provas, legislação, documentos e, ainda, conta com o espaço “Fale Conosco”, onde o estudante pode entrar em contato direto com o Instituto. Além disso, o Inep também disponibiliza a matriz de referência, assim os estudantes poderão saber por onde começar a a estudar.

Começar a estudar para o Enem 2021 com antecedência

Eventualmente as provas do Enem 2021 sejam aplicadas duas vezes no ano, sendo uma digital e outro regular. As prováveis datas serão 3 e 10 de outubro e 7 e 14 de novembro. Quem mais aproveitar esse longo intervalo de tempo terá maiores chances de conquistar uma boa nota no Exame. O conteúdo das provas é muito vasto, deixar para estudar na última hora é uma péssima escolha.

Montar um cronograma de estudo para o Enem 2021

O primeiro passo para quem quer organizar os estudos é montar um cronograma detalhado, que deverá ser seguido até o mês de aplicação do exame. É interessante o estudante analisar o horário em que sua mente rende mais, o reservando, de preferência, de segunda a sexta-feira. Duas horas por dia é ideal. Passando disso, o rendimento começa a cair e o conteúdo deixa de ser assimilado.

Os cronogramas deverão ser feito diariamente, assim variando todas as matérias. Não é indicado repetir o mesmo calendário todas as semanas, pois a tendencia é que o rendimento caia, varie o assunto e foque mais naquelas matérias que mais possuem dificuldades.

Respeitar os limites da mente e do corpo

O corpo humano dá sinais de cansaço. O estudante precisa perceber esses sinais e não forçar quando estiver esgotado. Com a mente nesse estado, o cérebro não consegue mais captar as informações e a rotina de estudos começa a ficar cansativa e entediante. Desse modo, separe um dia da semana para ter uma “folga“, foque naquilo que mais gosta de fazer seja sair com os amigos, jogar vídeo game ou ver televisão. A tendência é que o gás seja renovado e que de um pouco de descanso para você e assim o celebro não trabalhe muito.

Classificar as matérias com maior dificuldade

Cada pessoa possui afinidades e dificuldades em diferentes áreas de conhecimento. Com as matérias do Enem 2021 não é diferente. Desse modo, é importante que o estudante selecione as matérias com maior dificuldade, reservando um tempo especial a elas. Muitos especialistas orientam começar o estudo diário pelo conteúdo mais fácil, deixando o mais difícil para o final, mas isso pode variar de pessoa para pessoa. Faça um teste com essa ordem de dificuldade e adote a rotina que perceber um melhor desempenho.

Escolher um bom ambiente de estudo

Não adianta nada começar a estudar com antecedência, ter um cronograma bem montado, mas não ter um ambiente favorável ao bom desenvolvimento dos estudos. Escolha um local calmo, confortável e o deixe sempre organizado. Assim, as coisas vão fluir com muito mais facilidade.

Desenvolver o hábito da leitura e acompanhar as notícias nos veículos de comunicação

As questões das provas do Enem 2021 terão enunciados que vão exigir raciocínio lógico e interpretação do candidato. Desse modo, é importante que o participante desenvolva o hábito da leitura, aguçando sua capacidade de interpretar o que lê.
Outro fator importante é o acompanhamento das notícias do cotidiano, visto que o Exame é sempre atual, principalmente quando se trata do tema da redação do Enem 2021 , que será escolhido entre os assuntos que mais chamarem atenção até a véspera das provas. Quanto mais o candidato puder acompanhar jornais escritos, televisionados, revistas e internet, melhor.

Escrever sobre os temas que mais chamam atenção

Ao acompanhar as notícias atuais, selecione as principais e escreva, pelo menos duas vezes ao mês, sobre o tema. A redação do Enem 2021 é de caráter dissertativo-argumentativo, onde o candidato precisa mostrar domínio do tema, apontando possíveis soluções sobre o eventual problema em questão.

Resolver simulados

Uma boa maneira de praticar, fixando ainda mais o conteúdo estudado, é resolvendo simulado do Enem 2021. O candidato, além de se familiarizar com os tipos de questões do Exame, pode controlar o tempo de resolução. As provas terão 90 questões por dia. Existem vários simulados disponíveis na internet, nos principais portais da educação.

Escolher um bom material de apoio

A última e não menos importante dica é sobre a escolha de um bom material de estudo do Enem 2021. Existem vários disponíveis no mercado, mas são poucos que conseguem abordar todo o conteúdo das provas.

Sem dúvidas, o melhor deles é a apostila do Enem 2021, que contém todas as matérias do Exame, abordadas de maneira simples e direta. Além disso, o próprio material conta com todas as questões e gabaritos das edições anteriores das provas. Não perca tempo. Adquira logo a sua apostila e comece seus estudos!

Fique por dentro das atualizações da nossa página curtindo o Enem 2021 no facebook. Caso preferir acesse o Guia do Enem no Instagram.

Quando começam as Inscrições do ENEM 2021?

Veja aqui quando começam as inscrições do Enem 2021! O Ministério da Educação (MEC) e o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) eventualmente não se manifestaram a respeito das datas do Enem 2021 – Exame Nacional do Ensino Médio. Contudo, com base nas edições anteriores, veja as prováveis datas do exame.

O Inep se manifestou através de uma coletiva, que na edição do Enem 2021 serão duas aplicações de provas, sendo uma digital e outra regular. Assim como nas edições anteriores, as provas deverão ser aplicadas nos dois primeiros domingos de outubro e novembro.

Cronograma Previsto para o Enem 2021

Calendário Data do Enem 2021

 

O edital do Enem 2021 será publicado no Diário Oficial da União (DOU) na primeira quinzena de março, pois os pedidos de isenções ocorrerão em abril. No documento, serão oficializadas todas as regras e datas oficiais desta edição.

Certamente será de extrema importância que todos os estudantes que pretendem participar das provas do Enem 2021 leiam atentamente o edital. Somente assim estarão por dentro de todos os detalhes e exigências da organização.

As inscrições do Enem 2021 deverão ter início no dia 10 de maio, uma segunda-feira. Caso a previsão esteja correta, os estudantes terão até às 23h59min da sexta-feira da semana seguinte, ou seja, dia 21, para se cadastrar.

Antes de mais nada, vale lembrando que a página de inscrição leva em conta o horário oficial de Brasília/DF. Assim, os estudantes das regiões com diferença de fuso-horário precisam ficar ainda mais atentos. Caso percam o prazo de inscrição, poderão participar apenas do Exame Nacional do Ensino Médio do próximo ano, ou seja, 2022.

Saiba como se inscrever no Enem 2021: Veja quais são os documentos exigidos

Ao acessar a página do participante do Enem 2021, disponível no endereço eletrônico https://enem.inep.gov.br/, os candidatos devem ter em mãos o número do CPF – Cadastro de Pessoa Física.

Além do CPF, também é necessário informar os números do documento de identidade (RG – Registro Geral), data de nascimento, endereço de e-mail e número de telefone celular. Os dois últimos dados precisam ser atuais e de uso pessoal do participante.

Antes de concluir a inscrição, o candidato ainda precisa informar alguns dados familiares e escolares. Por fim, irá escolher o município que possui preferencia em fazer a prova do Enem 2021.

Estudantes de baixa renda ainda terão o direito de pedir isenção da taxa de inscrição do Enem 2021. O valor será informado através do edital, contudo, valor atual é de R$85,00. Para solicitar a isenção, basta preencher o formulário de declaração de carência no mês de abril, com data ainda a definir.

As provas do Enem 2021 terão 180 questões de múltipla escolha, divididas entre quatro áreas de conhecimento, que são:

  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias;
  • Ciências Humanas e suas Tecnologias;
  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias;
  • Matemática e suas Tecnologias.

Caso o Inep permaneça com a mesma estrutura das outras edições, as duas primeiras áreas de conhecimento serão aplicadas no primeiro domingo, juntamente com a redação do Enem 2021. Por sua vez, as provas das duas últimas áreas de conhecimento acontecerão no segundo domingo.

Quem tem direito a isenção do Enem 2021?

Conforme a última edição, veja quem possui direito a isenção no Enem 2021:

  • Estudantes que estejam indo concluir no ano imediato o ensino médio. Serão aceitos somente aqueles que vão concluir em escola de rede pública, na qual a escola deverá estar declarada no Censo Escolar;
  • Candidatos que concluíram o ensino médio em escola de rede pública ou bolsista integral em escola de rede privada. Além disso, tenham renda per capita igual ou superior a um salário mínimo e meio;
  • Participantes de baixa renda na qual se declara vulnerabilidade socioeconômica. Deverão estar com o cadastrado no CadÚnico atualizado. O estudante deverá ser portador de renda familiar de até três salários mínimos ou aquela renda familiar per capita de meio salário.

Os estudantes que pretendem mandar bem nas provas do fim do ano, precisam começar a se preparar o quanto antes. Oferecemos a todos a apostila do Enem 2021 (clique para conhecer), um material que aborda todo o conteúdo das provas, incluindo a redação.

Conte com nosso apoio e boa sorte! Curta a página do Enem 2021 no Facebook ou o Instagram Guia do Enem.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO ENEM 2021

Conteúdo Programático do Enem 2021: Quer se preparar para o exame com a matriz de referência do Inep? Veja aqui quais assuntos mais caem no exame. Neste artigo vamos apresentar todo o conteúdo programático do Exame Nacional do Ensino Médio. Confira.

O Enem 2021 poderá ser utilizado pelos estudantes para poder participar dos programas de seleção do Ministério da Educação. Certamente, o exame se tornou a principal porta de entrada para o ensino superior. Assim sendo, será aguardado milhões de inscritos, o que proporciona grandes concorrentes em busca de uma vaga, por isso, se prepare desde já.

Eixos comuns entre todas as matérias do Enem 2021

Este artigo foi elaborado conforme a matriz de referência do Enem, onde foi elabora e publicada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Desse modo, veja a seguir todos os eixos comuns que os estudantes encontrarão nas áreas de conhecimentos gerais:

  • Dominar a norma culta da Língua Portuguesa;
  • Compreender fenômenos, onde deverá construir e aplicar conceitos das várias áreas do conhecimento para a compreensão;
  • Selecionar, organizar, relacionar, interpretar dados e informações representados de diferentes formas. Assim o estudante consegui tomar decisões e enfrentar certas situações;
  • Construir argumentação;
  • Elaborar propostas.

Quais as áreas de conhecimento do Enem 2021?

Sem dúvidas, esse é um assunto que precisa ser bem conhecido pelos estudantes que pretendem participar das provas. Antes de saber quais serão as matérias do Enem 2021, é importante entender como será constituído o Exame.

Ao todo, serão 180 questões de múltipla escolha nas provas do Enem 2021, divididas em igual número entre quatro áreas de conhecimento:

  1. Linguagens, Códigos e suas Tecnologias;
  2. Ciências Humanas e suas Tecnologias;
  3. Ciências da Natureza e suas Tecnologias;
  4. Matemática e suas Tecnologias.

Além disso, também haverá a aplicação da redação do Enem 2021. Conforme a matriz deverá ser de caráter dissertativo-argumentativo. Decerto, será aplicada junta das provas de Linguagens e Ciências Humanas, no primeiro dia de Exame. No segundo dia, por sua vez, serão aplicadas as provas de Ciências da Natureza e Matemática.

Matérias cobradas em Linguagens, Códigos e suas Tecnologias

De acordo com a matriz, os estudantes terão que apresentar domínio os seguintes assuntos para mandar bem em Linguagens:

  • Estudo do texto: as sequências discursivas e os gêneros textuais no sistema de comunicação e informação;
  • Estudo das práticas corporais: a linguagem corporal como integradora social e formadora de identidade;
  • Produção e recepção de textos artísticos: interpretação e representação do mundo para o fortalecimento dos processos de identidade e cidadania;
  • Estudo do texto literário: relações entre produção literária e processo social, concepções artísticas, procedimentos de construção e recepção de textos;
  • Estudo dos aspectos linguísticos em diferentes textos: recursos expressivos da língua, procedimentos de construção e recepção de textos;
  • Texto argumentativo, seus gêneros e recursos linguísticos: argumentação: tipo, gêneros e usos em língua portuguesa;
  • Aspectos linguísticos da língua portuguesa: usos da língua: norma culta e variação linguística;
  • Gêneros digitais: tecnologia da comunicação e informação: impacto e função social.

Assuntos cobrados em Matemática e suas tecnologias

Certamente matemática abrange todos aqueles assuntos cobrados na última fase da educação básica, contudo, veja todos conforme a matriz do Enem:

  • Conhecimentos numéricos;
  • Estudo em geométricos;
  • Conhecimentos algébricos;
  • Experiência em estatística e probabilidade;
  • Aprendizado em algébricos/geométricos.

Assuntos cobrados em Ciências da Natureza e suas Tecnologias

Já está área abrange Física, Química e Biologia. Desse modo, veja os assuntos cobrados em cada uma:

  • Física:
    • Conhecimentos básicos e fundamentais;
    • O movimento, o equilíbrio e a descoberta de leis físicas;
    • Energia, trabalho e potência;
    • A Mecânica e o funcionamento do Universo;
    • Fenômenos Elétricos e Magnéticos;
    • Oscilações, ondas, óptica e radiação;
    • O calor e os fenômenos térmicos.
  • Química:
    • Transformações Químicas;
    • Representação das transformações químicas;
    • Materiais, suas propriedades e usos;
    • Água;
    • Transformações Químicas e Energia;
    • Dinâmica das Transformações Químicas;
    • Transformação Química e Equilíbrio;
    • Compostos de Carbono;
    • Relações da Química com as Tecnologias, a Sociedade e o Meio Ambiente;
    • Energias Químicas no Cotidiano.
  • Biologia:
    • Moléculas, células e tecidos;
    • Hereditariedade e diversidade da vida;
    • Identidade dos seres vivos;
    • Ecologia e ciências ambientais;
    • Origem e evolução da vida;
    • Qualidade de vida das populações humanas.

Matérias cobradas em Ciências Humanas e suas Tecnologias

Por fim, a área de Ciências Humanas e suas tecnologias:

  • Diversidade cultural, conflitos e vida em sociedade;
  • Formas de organização social, movimentos sociais, pensamento político e ação do Estado;
  • Características e transformações das estruturas produtivas;
  • Os domínios naturais e a relação do ser humano com o ambiente;
  • Representação espacial.

Eventualmente, queira aprofundar mais sobre os assuntos do Enem 2021, as matérias e eixos estarão disponíveis na matriz de referência, clique aqui e veja. Conforme edições anteriores as inscrições do Enem 2021 estarão abertas no mês de maio. Contudo, as datas só serão confirmadas através do divulgamento do edital. Desse modo, continue atento a todas as notícias.

Para se cadastrar, basta acessar o endereço eletrônico https://enem.inep.gov.br/.

Antes de mais nada, curta e compartilhe a página do Facebook Enem 2021 ou o Instagram Guia do Enem. Além disso, te indicamos em conhecer a apostila digital, clique e veja.

CALENDÁRIO ENEM 2021

Calendário do Enem 2021: Quer saber quando começa o exame? Qual será os passos a seguir até as provas? Neste artigo vamos apresentar todo o calendário do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem, com prováveis datas, venha conferir.

O Exame Nacional do Ensino Médio vem sido aplicado neste novo formato desde 2009, quando se tornou requisito principal nos programas do MEC destinados ao acesso e permanência ao ensino superior. Os programas mais utilizados são Sisu, ProUni e Fies. Na edição do ano passado, as provas começaram a ser aplicadas em dois períodos do ano, sendo um digital e outro regular.

Edital do Enem 2021 será divulgado em março

Calendário Data do Enem 2021O Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira já está preparando como será a elaboração do edital do Enem 2021. Desse modo será definindo todas as regras dessa próxima edição daquele que é considerado o segundo maior Exame do mundo.

A publicação do documento oficial que apresentará todas as regras e datas do Enem 2021 acontecerá no Diário Oficial da União (DOU) na primeira quinzena de março. Assim que o edital for publicado, divulgaremos todos os detalhes do documento aqui em nosso site. Além disso, também disponibilizaremos um link de acesso ao documento. É de estrema importância a leitura por todos aqueles estudantes interessados em participar das provas.

Período de inscrição do Enem 2021 será em maio

A data de início das inscrições do Enem 2021 ainda não foi confirmada. Contudo, deverá ocorrer a partir da segunda semana de maio, onde irá iniciar em uma segunda-feira. A expectativa é de que a página de inscrição seja aberta a partir das 10h, conforme o horário oficial de Brasília/DF.

Os estudantes terão até às 23h59min da sexta-feira da outra semana para concluir suas inscrições. As datas estipuladas são de 10 a 21 de maio. Os cadastros deverão ser realizadas exclusivamente via internet ou através do aplicativo oficial do Enem disponíveis para smartphones e tablets.

A página de inscrição do Enem 2021 está disponível no portal do Inep, no endereço eletrônico http://enem.inep.gov.br/. No acesso, é necessário ter em mãos os números do CPF (Cadastro de Pessoa Física), documento de identidade (RG – Registro Geral), endereço de e-mail, telefone celular e alguns dados familiares e escolares.

Os pedidos de isenção e justificativa de ausência, deverão ser registrados no mês de abril. Por isso, fique atentos, pois caso contrário, terão que efetuar o pagamento, no qual se encontra no valor de R$85,00.

Provas do Enem 2021 serão aplicadas nos dois primeiros domingos de novembro e outubro

Imagem Provas do Enem 2021Assim como aconteceu pela primeira vez na edição do ano passado, a aplicação das provas do Enem 2021, será mantida a aplicação digital e a regular. Contudo, o número de estudantes para a prova digital deverá ser maior que a edição anterior, onde foram aceitos 50 mil inscritos.

As provas do Enem 2021 devem ser confirmadas na primeira semana, ou seja, 3 e 10 de outubro e 7 e 14 de novembro. Os portões serão abertos ao meio dia e fechados às 13h00min, pontualmente, conforme o horário oficial de Brasília/DF, portanto, fiquem atentos ao fuso horário. As provas terão início às 13h30min.

Ao que tudo indica, no primeiro domingo serão aplicadas as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias e redação do Enem 2021. Eventualmente são disponibilizadas 05h30min de duração.

No segundo domingo, por sua vez, serão aplicadas as provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e de Matemática e suas Tecnologias, com 05h00min de duração.

Ao todo, serão aplicadas 180 questões de múltipla escolha. Portanto, serão 45 questões em cada uma das quatro áreas de conhecimento citadas acima. O gabarito oficial do Enem 2021 será divulgado no portal do Inep três dias úteis após o encerramento do exame.

A data de divulgação do resultado do Enem 2021 ainda não foi confirmada pelo Inep. Entretanto, sabemos que as notas serão publicadas nas primeiras semanas de janeiro, antes da abertura dos processos seletivos do Sisu, ProUni e Fies.

Leia outros artigos que já publicamos aqui em nosso site, continue nos visitando e curta a página oficial do Enem 2021 no Facebook.  Caso preferir, também disponibilizamos o Guia do Enem no Instagram. Assim, você terá acesso a todas as informações e ficará por dentro de todos os detalhes do Exame deste ano!

APOSTILA ENEM 2021

Apostila Enem 2021? Veja como adquirir a sua! Certamente contaremos com mais uma edição do Exame Nacional do Ensino Médio com milhões de estudantes de todo o país. Com as várias oportunidades de acesso ao ensino superior oferecidas a quem participa das provas, a concorrência está cada vez mais acirrada. Sem dúvidas, terá sucesso no exame aquele que se preparar melhor. Para isso ser possível, o estudante precisa de um bom material de estudos, além de foco e muita dedicação.

A partir de 2009, o Exame Nacional do Ensino Médio vem sido utilizado como requisito nos programas do MEC – Ministério da Educação, onde oferecem vagas, bolsas e financiamento em cursos superiores. Os programas são destinados a instituições públicas e privadas. As maiores e mais renomadas universidades federais, por exemplo, extinguiram seus tradicionais vestibulares e utilizam as notas do Enem 201 em seus processos de seleções.

Qual a importância de um bom aproveitamento no Enem 2021?

Certamente, um bom aproveitamento nas provas do Enem 2021 poderá garantir a tão sonhada vaga em um curso superior. A pontuação dos estudantes poderão ser utilizadas nos processos seletivos dos seguintes programas, com suas respectivas atribuições:

  • Sistema de Seleção Unificada (Sisu): Oferece vagas em institutos e universidades federais;
  • Programa Universidade para Todos (ProUni): Concede bolsas de estudo, integrais (100%) e parciais (50%), em cursos de graduação e sequenciais de formação específica de faculdades particulares;
  • Fundo de Financiamento Estudantil (Fies): Financia cursos superiores não gratuitos em faculdades particulares. Deverão ser avaliadas positivamente no SINAES – Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior.

Qual o segredo para mandar bem nas provas do Enem 2021?

Na verdade, a palavra certa não é segredo, pois todos sabem qual é o caminho para ter um bom aproveitamento nas provas do Enem 2021. O principal objetivo é de conquistar uma vaga em um curso superior.

O estudo para as provas exige do candidato muita dedicação e empenho, pois o conteúdo do Exame é vasto. Assim, deixar tudo para a última hora é sinônimo de desastre.

Elaborar um cronograma de estudos com antecedência e dividir o conteúdo facilitará a vida de quem realmente deseja se preparar da melhor maneira possível para as provas.

Além disso, também é essencial saber escolher um bom material de estudo para o Enem 2021, onde será o principal guia durante todo o período de preparação.

Qual o melhor material de apoio para o Enem 2021?

Milhares de estudantes já foram selecionados nos processos seletivos do MEC. Isto, graças ao apoio de um do melhor e mais completo material de estudo para as provas: a apostila do Enem 2021 (clique para conhecer).

A apostila disponibilizada aqui em nosso site foi preparada com muita atenção por nossa equipe, com a finalidade de facilitar ao máximo o aprendizado de todas as matérias do Enem 2021, incluindo uma dedicação especial para a redação.

Além de apresentar todo o conteúdo de maneira didática, de fácil aprendizagem, a apostila também conta com as questões e respostas de todas as edições da história do Exame, possibilitando o treinamento do conteúdo assimilado e auxiliando na adaptação ao estilo das provas.

A entrega da apostila é realizada de maneira rápida e segura em qualquer lugar do país. A dica é adquirir o material o quanto antes, para sair na frente da concorrência e ter tempo suficiente de preparação, sem deixar de estudar nenhum conteúdo.

Na apostila estão as matérias de todas as quatro áreas de conhecimento das provas: Ciências Humanas e suas Tecnologias, Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias.

Não perca a chance de ter em casa o melhor material de apoio para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio. Conte com nosso apoio sempre que for necessário. Curta a página do Enem 2021 no Facebook ou o Guia do Enem no Instagram!

Inscrições e Provas do Enem 2021

Neste artigo vamos apresentar todas as informações sobre as inscrições e provas do Enem 2021. Conforme foi informado pelo Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira o Exame Nacional do Ensino Médio passará por uma fase de teste, onde será avaliado a aplicação do Enem digital. Contudo, os cadernos de prova ainda não serão totalmente descartado, pois serão disponibilizadas apenas algumas vagas para a aplicação piloto.

Eventualmente o Enem 2021 permanecerá sendo aplicado em dois dias. Além disso, o exame continuará sendo utilizado como critério de seleção para o ensino superior, basta se cadastrar nos seguintes programas:

  • Sisu – Sistema de Seleção Unificada: Destinado a instituições públicas;
  • Prouni – Programa Universidade para Todos: Tem como objetivo conceder bolsas de estudos integrais e parciais em instituições públicas;
  • Fies – Fundo de Financiamento Estudantil: Financiamento disponível para estudantes que queiram curar em instituições públicas.

Antes de mais nada, para poder participar dos programas, o estudante precisa tirar nota superior a zero na redação. Além disso, conseguir pontuação média mínima de 450 pontos nas áreas de conhecimentos.

Onde faço a inscrição para o Enem 2021?

O primeiro procedimento que os futuros participantes do Enem 2021 devem realizar é acessar o endereço eletrônico http://enem.inep.gov.br e informar número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) e data de nascimento. Certamente com os dados da Receita Federal, automaticamente o sistema preenche as demais informações pessoais como nacionalidade, nome da mãe, estado civil e entre outros. Os participantes deverão informar meios de contato como número de telefone fixo, número de telefone celular e endereço de e-mail. Nesta parte o que muda é o fato de que não é mais permitido que candidatos diferentes informem o mesmo endereço de e-mail, ou seja, deverá ser individual.

Além disso, no decorrer das inscrições do Enem 2021 os estudantes vão optar por uma língua estrangeira moderna (inglês ou espanhol), cidade na qual possui preferência em fazer a prova, situação de conclusão do ensino médio e por fim um questionário socioeconômico.  

Após a etapa de informações pessoais os participantes cadastrar uma senha pessoal de no mínimo seis e máximo de dez caracteres. A senha cadastrada será exigida nos processos de inscrição para participar do Prouni e Sisu, além de ser exigida para realizar a consulta ao resultado final do Exame. Aconselhamos então que os participantes guardem bem a senha cadastrada para participar do Enem 2021.

Os participantes que necessitam de atendimento especial ou especializado para realizar as provas do Exame, no ato da inscrição terão que informar qual o tipo de atendimento que necessitam o que vale também para os participantes que por motivo religioso sejam Guardadores do sábado. A opção de língua estrangeira (inglês ou espanhol) deve ser informada.

Provas do Enem 2021

Conforme foi informado pelo Inep, eventualmente o Enem 2021 avalia fazer duas aplicações, em datas distintas, agendadas previamente e também opcionais. Contudo, o exame passará por um modelo piloto, caso venha ter sucesso será utilizado nas demais edições.

Eventualmente as provas do Enem 2021 serão elaboradas com 180 questões divididas igualmente entre as seguintes áreas:

  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias;
  • Ciências Humanas e suas Tecnologias;
  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias;
  • Matemática e suas Tecnologias.

As questões são de múltiplas escolhas, onde possui opções de A até E, certamente somente uma estará correta. Antes de mais nada, vale lembrar que os estudantes vão elaborar uma redação dissertativa-argumentativa com o tema proposto pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. As área de Linguagens, redação e Ciências Humanas serão aplicadas no primeiro dia, já as demais no segundo dia.

Antes de mais nada, curta e compartilhe a página do Instagram Guia do Enem, assim ficará por dentro de todas as atualizações do Enem 2021. Por fim, não esqueça de nós avaliarmos através das estrelinhas abaixo, desde já obrigado e boa sorte.

 

Como fazer a inscrição no Enem 2021

Inscrições do Enem 2021 começam em maio: Neste artigo vamos ensinar como fazer a inscrição no Exame Nacional do Ensino Médio. Conforme edições anteriores, Em meados do mês de maio, o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) abrirá o período de inscrição do exame. Os cadastros serão realizadas exclusivamente via internet, na página do participante, no site oficial do próprio Inep.

As provas do Enem 2021 também deverão ser aplicadas em dois domingos consecutivos, assim como aconteceu pela primeira vez no ano de 2017. Desse modo, estudantes sabatistas, que guardam os sábados por convicção religiosa, podem fazer o Exame com maior tranquilidade, sem terem que passar por horas de confinamento até o sol se pôr. Conforme coletiva do MEC, o Enem 2021 contará também com a aplicação digital.

Quando serão abertas as inscrições do Enem 2021: Confira as principais datas do cronograma da próxima edição

DICAS DE ESTUDOS ENEM 2021O Inep deve divulgar o edital do Enem 2021 na segunda quinzena do mês de março. Com a divulgação do documento, todos teremos acesso às regras da próxima edição do Exame, bem como às datas oficiais.

Todavia, se nos basearmos em todos os últimos anos de prova, podemos fazer previsões precisas do cronograma do Enem 2021, visto que as datas costumam ser mantidas praticamente nos mesmos períodos dos meses.

O período de inscrições do Enem 2021 terá duas semanas de duração, acontecendo em maio. A previsão é de que seja aberto no dia 14 (segunda-feira) e encerrado às 23h59min (de Brasília/DF) do dia 25 seguinte, uma sexta-feira.

Os estudantes que tiverem que pagar a taxa de inscrição do Enem 2021 terão um prazo máximo para tal, sob pena de desclassificação caso não efetue o pagamento. O Inep costuma deixar o vencimento do boleto para a semana seguinte ao término das inscrições.

A data das provas do Enem 2021 deve ser confirmada para o início de novembro, entre o primeiro e segundo turno das eleições que vão ocorrer no próximo ano. A expectativa é de que sejam escolhidos os dois primeiros domingos do penúltimo mês do ano, dias 04 e 11, respectivamente.

O gabarito oficial do Enem 2021 será divulgado até a quarta-feira da semana seguinte ao término das provas. Assim, caso o segundo domingo de provas realmente seja 11 de novembro, as respostas devem ser divulgadas pelo Inep até o dia 14 seguinte.

Por sua vez, o resultado individual do Enem 2021 será divulgado na primeira quinzena de janeiro de 2019. Com as notas, os estudantes terão a oportunidade de se inscreverem no Sisu (Sistema de Seleção Unificada), ProUni (Programa Universidade para Todos) e Fies (Fundo de Financiamento Estudantil).

Veja onde e como fazer inscrição no Enem 2021

O único meio oficial para fazer inscrição no Enem 2021 será a página do participante, no portal do Inep, disponível no endereço https://enem.inep.gov.br/.

Para se inscrever, o estudante precisa ter em mãos os números do documento de identidade (RG – Registro Geral) e do CPF (Cadastro de Pessoa Física), além de informações pessoais: nome completo, nome da mãe completo, endereço, e-mail, telefone, escolaridade.

Durante as inscrições, os candidatos devem escolher a cidade do local de prova do Enem 2021. Milhares de municípios de todos os estados brasileiros estarão disponíveis para a escolha.

Também é no ato da inscrição que o participante precisa informar qual a língua estrangeira de sua preferência (Inglês ou Espanhol) e se possui algum tipo de necessidade especial, requerendo atendimento diferenciado nos dias de prova.

O valor da taxa de inscrição do Enem 2021 ainda não foi informado pelo Inep. A expectativa é de que não ultrapasse R$ 90,00. Estudantes que estiverem concluindo o ensino médio em escolas da rede pública serão automaticamente isentos do pagamento.

Candidatos de baixa renda, membros de famílias com necessidade financeira, poderão declarar carência no ato da inscrição, mediante preenchimento de um formulário específico, solicitando isenção no Enem 2021.

Na medida em que forem oficializadas informações a respeito da próxima edição do Exame, divulgaremos as notícias aqui em nosso site. Curta a página do Instagram Guia do Enem. Desde já, boa sorte a todos.

Inscrições do Enem 2021

Muitos estudantes aguardam ansiosos para as inscrições do Enem 2021. Neste artigo vamos ensinar como se cadastrar e falar um pouco sobre a taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio. Eventualmente o exame não possui nenhuma restrição em participação, ou seja, qualquer pessoa poderá se cadastrar. 

Atualmente o Enem 2021 será utilizado como avaliação do nível de aprendizado do ensino médio. Contudo, os programas do Governo utilizam a pontuação como critério de seleção para instituições do ensino superior. O Ministério da Educação – MEC disponibiliza três programas educacionais com propósito de selecionar estudantes em universidades, são eles:

  1. Sisu – Sistema de Seleção Unificada: Seleciona candidatos participantes do Enem 2021 para instituições públicas distribuídas pelo Brasil;
  2. Prouni – Programa Universidade para Todos: Disponibiliza bolsas integrais e parciais em instituições privadas;
  3. Fies – Fundo de Financiamento Estudantil: Certamente é um método de financiamento estudantil com juros inferiores aos demais.

Estes programas exigem nota superior a zero na redação e pontuação média igual ou superior a 450 pontos nas áreas.

Como e onde se inscrever no Enem 2021?

Inscrições do Enem 2021Conforme edições passadas, o período de inscrições do Enem 2021 começará em meados de maio. Para participar do programa os alunos devem acessar o portal do Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira disponível no link: https://enem.inep.gov.br Certamente serão aceitas e válidas as inscrições realizadas apenas neste site.

Para conseguir isenção da taxa o estudante deverá fazer o pedido antes do período do cadastro. Entretanto, ainda não terá a sua inscrição confirmada. Para confirmar presença, o estudante deverá acessar o portal do Inep no prazo que será estabelecido. Informe apenas o CPF (Cadastro de Pessoa Física) e a senha criada pelo mesmo.

Para aqueles que não possuem direito a isenção, deverão fazer a inscrição do Enem 2021 com CPF, data de nascimento, e-mail entre outros dados pessoais. 

Após informar seus documentos, o candidato precisa de um endereço de e-mail e um número de telefone pessoal válidos. Será através destes meios de comunicação que o aluno receberá notificações do Ministério da Educação ou Inep.

O próximo passo no processo das inscrições do Enem 2021 é escolher qual língua estrangeira possui preferência, tendo como opções Inglês e Espanhol.

Tendo o participante escolhido a opção de língua estrangeira, cabe ao mesmo informar onde deseja realizar as provas. Antes de mais nada, não se esqueça que as provas são aplicadas no segundo semestre, com isto, informe a cidade que estará durante este período.

Para concluir o cadastro, logo após essas informações necessárias, o candidato precisa preencher corretamente todos os campos obrigatórios restantes esclarecidos no ato da inscrição.  Caso o Inep identifica algum estudante que forneceu informação falsa, o mesmo terá sua inscrição cancelada imediatamente.

Quem possui direito a isenção do Enem 2021?

Eventualmente quatro tipos de estudos possuem direitos a isenção do Enem 2021. Na edição 2017 teve o aumento no rigor para pedidos de carência, desde então são aceitos somente aqueles:

  • O participante que estiver cursando a última série do ensino médio no ano de 2021 em escola da rede pública declarada ao Censo Escolar;
  • Tenha obtido a certificação de conclusão do ensino médio, por meio Exame Nacional de Certificação de Competências de Jovens e Adultos – Encceja 2020;
  • Que tenha concluído todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada. Deverá ter renda per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio.
  • O participante que declare estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica e esteja cadastrado no CadÚnico. É considerada família de baixa vulnerabilidade, aquela com renda familiar per capita de até meio salário mínimo ou familiar mensal de até três salários.

Pagamento da taxa de inscrição do Enem 2021

Taxa de inscrição do Enem 2021Após a verificação e validação do Inep, será disponibilizado um boleto no e-mail informado pelo candidato durante a realização da inscrição ou na página do participante.

Esse boleto corresponde a taxa de inscrição do Enem 2021. Certamente este participante só estará com sua vaga garantida após o pagamento do mesmo. O pagamento poderá ser feito em qualquer agência bancária, casas lotéricas ou agências dos correios. O GRU – Guia de Recolhimento da União se encontra no valor de R$82,00.

Caso realize o pagamento em período após ao publicado no edital, não será válido o pagamento e o aluno ainda não terá o valor ressarcido. Tendo efetuado o pagamento do boleto dentro do período definido, o mesmo deverá acessar novamente a página do participante e aguardar a confirmação de inscrição.

Caso tenha efetuado o pagamento dentro do prazo, mas não possui a inscrição confirmada, entre em contato com o Inep pelo 0800 616161. Contudo, é importante ter o comprovante de pagamento em mãos, caso contrário não terá como comprovar, assim perdendo o direito.

Desejamos a todos que vão realizar as provas do Enem 2021, boa sorte!